Seja bem vindo!

●๋•__ Grandes realizações tiveram início com apenas um sonho e era que um dia este sonho se tornaria realidade. Então, vá em frente e acredite! Ouse sonhar!__ °.•

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

#O Tempo de Falar e o Tempo de Ficar Calado

Oi gente!
Dificil, mas precisamos aprender a falar e a ficar calados quando necessário.
Leiam...

2 Reis 4.18-26

Quando ora, você abre as janelas para o mundo espiritual. 
Nem a ruína de Jerusalém anulou a fé de Daniel. 
Ele estava na Babilônia, mas sua mente estava na promessa. 
Volte seus olhos e seus pensamentos para aquilo que está arruinando sua vida e comece a levantar um clamor por sua restituição.
O que fazer quando a adversidade e o caos batem à sua porta? 
Quando o impossível e as adversidades baterem, não tome atitudes precipitadas. 
Não queira resolver o problema por conta própria, busque ajuda com a pessoa certa. 
Verifique todas as possibilidades, tenha fé e creia que Deus pode tudo, inclusive realizar o milagre na sua vida.

Vemos na história contada no livro de 2 Reis que aquela mulher acreditou, teve fé. 
Por mais que a situação fosse adversa, ela não se desesperou, muito menos murmurou, apenas tomou posse da palavra.
Mesmo o filho estando morto, não aceitou aquela sentença sobre sua vida e declarava que tudo estava bem. Você seria capaz de agir como ela? 
É necessário ter fé no momento de crise. 
Tomar posse da Palavra para ver o milagre chegar.

Precisamos usar de sabedoria, ser sábios na crise, saber a hora certa de falar e a hora certa de ficar calado. 
“E ele disse a Geazi: Cinge os teus lombos, toma o meu bordão na tua mão, e vai; se encontrares alguém, não o saúdes, e se alguém te saudar, não lhe respondas; e põe o meu bordão sobre o rosto do menino. 
Porém, disse a mãe do menino: Vive o Senhor, e vive a tua alma, que não te hei de deixar. 
Então ele se levantou, e a seguiu”.

Quando você tiver que enfrentar lutas e adversidades, vai ser preciso fazer um grande esforço. 
Não adianta ficar chorando. 
Se você se entregar, a luta e a adversidade te vencem.
Deus abençoe!

by:marcelosafra

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

#OLHE ACIMA DOS MONTES

Oi gente!
Quando nos pegamos aflitos nem sempre babemos para onde ir.
Porém, o Salmista sempre sabia a quem recorrer...
Ele se socorria em Deus.
Portanto, façamos o mesmo.
Leiam...

Salmos 121: 1-8
O maior guerreiro da história era um adorador.
Os registros bíblicos das conquistas de Davi dispensam qualquer dúvida a esse respeito. 
Os textos que encontramos em muitos salmos mostram que a adoração é uma arma de guerra ainda hoje.

Um vigilante, no seu período de trabalho, não dorme. 
Nosso Deus não dorme, Ele é o guarda de Israel. 
Quando Jesus disse que é mais fácil entrar um camelo pelo fundo de uma agulha do que um rico no reino do céus, Ele se referia a bagagem que a pessoa carregava, pois só se passa a porta da agulha sem as bagagens. 
Você precisa abrir mão das suas bagagens para entrar pela porta da agulha, a porta do ministério.

Estabeleça o seu lugar de refúgio. 
Um intercessor precisa ter seu lugar de refúgio, seu esconderijo no altíssimo. 
Quando não conhecemos o socorro divino, achamos que o nosso socorro vem daquilo que estamos vendo mais alto, o máximo que nossos olhos podem alcançar. 
Levanto os meus olhos para os montes e pergunto: De onde me vem o socorro? Meu socorro vem do Eterno, o Criador dos céus e da terra. 
Agora tente olhar o mais alto que puder no seu entendimento, tente olhar acima disso, é de lá que vem o seu socorro, vem do Senhor que fez o céu e a terra.

Todos nós temos um ponto de segurança em nossa vida, é o lugar mais alto olhe além dele e veja o seu socorro vindo do Senhor de Israel, o teu Deus. 
A proteção do Senhor na sua vida depende de você desfocalizar sua expectativa em pessoas e depender do Dele. 
Não confunda o teu Deus com outros. 
A diferença é que Jesus tem ouvidos para ouvir o que sai da sua boca e também para o clamor, o grito da sua alma. 
Os outros estão dormindo, mas o seu não dorme para te guardar.

“Quando não conhecemos o socorro divino, achamos que o nosso socorro vem daquilo que estamos vendo mais alto”.
Deus abençoe!

by:marcelosafra

quarta-feira, 2 de novembro de 2016

#A Dor da Perda

Oi gente!
Como superar a dor da perda de um ente querido?
É muito dificil!
Digo por experiência própria.
Mas Deus nos dá forças para superarmos essa dor tão dificil de suportar, pois mais a frente, o que ficará em nossos corações será uma saudade eterna daqueles que partiram e que tanto amávamos.
Leiam...

O Espírito Santo de Deus está à sua disposição para consolar você no momento de uma perda
A morte é a coisa mais certa que temos em nossa vida. O natural neste mundo é nascer, crescer, reproduzir e morrer. Mas nós não sabemos lidar com ela. Na Bíblia lemos: “Preciosa é à vista do Senhor a morte dos seus santos.” (Salmos 116.15) E Paulo nos ensina a encará-la como algo corriqueiro, que não nos abala, mas nos une ao Pai quando fala: “Porque para mim o viver é Cristo e o morrer é lucro.”(Filipenses 1.21)

Quando perdemos um ente querido, sofremos, choramos desesperadamente como se não houvesse mais vida para nós. Somos criados com alma, por isso, é normal sofrermos a dor da perda. Deus sabe tanto disso que enviou a nós o Espírito Santo, consolador. “E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre.” (João 14.16) Ele está perto de nós, chorando conosco, e intercedendo ao Pai por nós com gemidos inexprimíveis (Romanos 8.26).

A dor um dia passa. A saudade do nosso ente fica, mas já não há dor. Pois, o consolo vem e nos faz ter paz. Essa paz excede a todo o entendimento e guarda os nossos corações e nossos sentimentos em Jesus (Filipenses 4.7). Sendo assim, superamos a partida dessa pessoa e entendemos que em breve nos encontraremos na glória. Se essa pessoa não tinha Jesus como seu salvador, confiamos que Deus fará o seu juízo e a vontade dele prevalecerá, por isso, não há o que sofrer. Pois, a vontade de Deus é boa, perfeita e agradável (Romanos 12.2).

O tempo é o aliado para superarmos a perda. Deus não cobra de nós que saibamos lidar facilmente com a dor. Mas Ele oferece a sua mão, pois, Jesus mesmo chorou a morte de Lázaro (João 11.35). Ele entendeu o que a morte provoca no homem, tristeza. “Clama a mim, e responder-te-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes.” (Jeremias 33.3) Jesus é o maior interessado em cuidar da sua dor.

Você quer que a dor passe? Não se desespere. Deixe a sua fé entrar em ação e ser mais forte que o vazio que ficou sem essa pessoa ao seu lado. Chore aos pés de Jesus, seja franco(a) com ele e permita-se sentir a dor. Quando você se permite chorar e sofrer, você busca o consolo em Deus. Porque somente Ele é a esperança para superarmos nossas limitações.

“Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.” (Mateus 11.28) Quando sofremos, mas confiamos em Deus e cremos que Ele nos dará o consolo, ficamos longe da depressão e da loucura. Sentimos a dor durante o tempo que é normal, depois começamos a entender que a lembrança e a saudade vão nos acompanhar até o dia da eternidade. Mas já não choramos por isso, nos alegramos. Fechamos qualquer brecha para o inimigo tentar nos enganar, nos fazendo pensar que nosso ente está vagando pelo mundo e está nos vendo. Compreendemos que era o tempo dessa pessoa ter partido e que o nosso tempo também chegará.

Você precisa se conformar que era o tempo do ente partir. A partir daí, você permite ao seu coração receber o consolo do Pai, e a paz. Você não deixa que a dor da saudade o impeça de viver e buscar a Deus. Mas fica preparado(a) para encarar novos desafios, aprendizados e oportunidades na vida. Até que chegue o seu tempo, e você parta com a tranquilidade de missão cumprida. “Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais.” (Jeremias 29.11)

Que o Senhor lhe conceda forças para atravessar o momento de dor em nome de Jesus!

by:marcelosafra